Nova CNH: O Que Muda Com Esse Novo Padrão?

Motoristas brasileiros contarão com um novo modelo de CNH a partir de 01 de Junho de 2022. Confira!

A nova CNH (carteira nacional de habilitação) passa a valer a partir de quarta-feira, 1º de junho. O novo documento é resultado da Resolução 886/2021 da Comissão Nacional de Transportes (Contran) e já está disponível. Mas os motoristas não são obrigados a trocar. Mas como estão atualizando ou emitindo uma cópia, por perda ou extravio, nova classe ou não, ela se aplicará ao novo modelo.

O novo documento traz benefícios para os motoristas, inclusive dificultando a falsificação e fraudes. Pode ser divulgado em meio físico, digital ou ambos, e contém o nome social e filiação válida dos motoristas que desejam fazê-lo, além de um código para uso combinado de Para passaportes, motoristas podem embarcar em terminais de autoatendimento nos aeroportos brasileiros.

Quais as vantagens da nova CNH?

Como o documento é novo, então ele tem potencial para ser emitido tanto fisicamente quanto digitalmente, vantagem que facilita a apresentação do registro quando solicitado.

Motoristas brasileiros terão nova CNH com mudança de aparência e padrões internacionais para a classe de veículos. Além da aparência renovada, dominada pelo verde e amarelo, a nova CNH também exibe uma tabela com os tipos de veículos e quais veículos o motorista está autorizado a dirigir. Esses códigos seguem padrões internacionais e diferem do alfabeto utilizado no Brasil.

Qual o formato da nova CNH?

Nova CNH 2022 novo modelo
Imagem: Divulgação – Contran

A nova CNH mede 85 x 120 mm e será impressa em papel moeda com diversos elementos de segurança como tintas UV, faixas refletivas e marcas d’água. Embora seja válido apenas dentro do território nacional, virá com palavras em inglês e francês.

Como já aconteceu em outros casos, o motorista não é obrigado a adotar o novo documento imediatamente. Portanto, a CNH atual permanecerá em vigor até a data especificada, e os motoristas por até 10 anos já podem renovar seus exames. Portanto, a possibilidade de incluir eventuais restrições médicas traria maior segurança ao público em caso de acidente, etc.

Confira Também:

Então, curtindo nossas dicas da área automotiva? Portanto compartilhe essa matéria em suas redes sociais! Contudo, confira as próximas matérias mais abaixo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.